segunda-feira, 17 de setembro de 2012

De pé na estrada, na minha estrada...

Imagem da Internet

Um pouco cansada dos mesmos caminhos, das mesmas palavras.
Dos mesmos rostos me assombrando toda noite como espiritos sem luz.
Cansada dos palpites de quem não entende minhas metas e nem se quer imaginam por onde estou construindo meu caminho.
Assustando alguns por não estar entrando nos padrões que querem.
Não...não..nasci para ser colocada em moldes ou ser uma raiz determinada.
Sou o número que participa do infinito.
A letra que não tem no alfabeto.
O rastro que o vento apagará.
Mas sou o que quero ser, em considereção e amor a todos a volta.
Mas jamais serei o que todos a volta esperam que eu seja, por que apenas eu e mais ninguem sei do meu caminhar, apenas eu sei a quantidade de espinhos que perfuraram meus pés, as lágrimas que irrigaram as minhas terras secas.
Portanto, vou passando.
Desculpe-me se não pedir opinião. Mas ajuda bastante se sempre estiver junto...juntos em amizade e amor.
Todos sempre estarão nas minhas melhores coleções do album da vida.
Então...eu estou seguindo, e estou feliz, muito feliz.
E caso alguem tente sabotar meus planos, primeiro precisará de um mapa para encontrar meu caminho, e este, sou eu...


Cristina Lira







Doce sensação

Imagem da Internet

Sabe, é aquela sensação boa de que há algo acontecendo, mas você ainda não sabe bem o que é. Só sabe que é bom e deseja que pelo menos mais uma pessoa esteja sentindo o mesmo!


Cristina Lira







Cada letra deixada aqui



Imagem da Internet




Vão, de mansinho, minhas palavras ao teu encontro

E quanto diante de ti chegarem irão procurar teu coração

Elas vão com a ordem de lá entrar e soprar

As verdades que sondam o meu coração

Vão, minhas palavras de mansinho

E quando enfim te encontram te cercam com carinho

O carinho do afago do abraço que não foi dado

Elas caem em tua face e deslizam em teus olhos

Coletando lágrimas de tristezas se houverem

Depois escorrem na tua boca e se demoram um pouco mais

E nos teus lábios traduzem aos meus o sabor do seu beijo

Enquanto derrama em ti o meu desejo

Vão minhas palavras, de mansinho penetram em teu coração

Te deixando tatuagens na pele

E lá provoca calor pelo sentimento que elas carregam

E vão, minhas palavras, sendo absorvida pelo teu ser

E me tomas pra ti quando absorves cada letra deixada aqui.


Cristina Lira





Maturidade

Imagem da Internet


Maturidade!!!
Precisamos...
Somos seres em constante evolução, por todos os ângulos da existência!


Cristina Lira



Não se aplica hoje

Imagem da Internet

Sapatos de cristal esquecidos?
Provar de maça com veneno?
Sofrer pelo principizinho?

Ah! Alguns comportamentos simplesmente não dariam certo para as mulheres de hoje!
Mas não dariam mesmo!!!

Talvez para algumas que veem os homens como fonte de renda básica.
Mas para as mulheres que tem seu valor, sua autonomia e tem um Homem em sua vida simplesmente por ama-lo e valoriza-lo e recebem a mesma valorização. Elas sabem da importancia que tem em suas vidas, mas antes de mais nada e antes mesmo de qualquer um sabem que elas são importantes e devem amar-se em primeiro lugar e não viver de sacrificios e entregues a relações sofridas.


Cristina Lira



Ei, que história é essa?

Imagem  da Internet


Ei, que história é essa de infelicidade
Que história é essa de pranto além da necessidade
Que urgências te atordoam tanto assim

Ei, é fato que as situações em que existimos
Exige de nós coragem e determinação
Mas não é ficando aos prantos que virá a solução.

Isso, poe sorriso na cara, sorriso bonito
Deixa a alma livre para habitar em você
Vai contornando essas linhas borradas
As horas tão mal gastas, em horas vividas em amor.


Cristina Lira