domingo, 12 de agosto de 2012

Almas que amam

Imagem da Internet





Todo dia ao acordar, desperta pela brisa da manhã,
Assim como o orvalho suave toca o chão,
Seu amor, se desperta maior em meu coração
Cada instante a partir desta manha sei que sou feliz

Pois posso contemplar a beleza do dia
E sentir bem no fundo do meu peito,
Que você é quem traz o amor de cada dia
E sigo todo o dia, com uma força que não é puramente só minha.

Revigoro-me por sentir-te em tudo que sou,
E confundi-se em mim
Com minha essência,
 Numa cumplicidade divina.

Nesse sentir, perco-me em meus próprios passos,
Tento seguir os seus, e vejo que as pegadas são uma só,
Apenas uma vida em uma só caminhada rumo ao que sonhamos,
Rumo a nossa vida, rumo ao "um só"

E a cada passo,
Você permanece como a melhor marca em mim,
No decurso das horas você se eterniza,
E aos poucos te tornas a própria vida que vive em mim.

Hoje somos um
Que separados pelas circunstancias tentam unir-se,
Nossa alma dividida já não consegue
Estar bem sem ser completa

Com o nosso encontro tudo mudou,
Pois enfim estamos aos poucos nos unindo,
Sabendo que um dia voltaremos a ser
O que jamais deixamos de ser... uma só alma

E por esse saber,
És a manhã, tarde e noite do meu dia.
As estações dos anos que já vivi, e ei de viver.
Em ti encontro a razão pra dizer, o quanto amo você.

Nesse amor encontro
A força para levantar em mim e ser feliz,
De ser o que poucos um dia foram felizes em qualquer circunstancia,
Pois tenho a segurança de esse amor ser eterno


Cristina Lira ***

Um comentário: