domingo, 15 de julho de 2012

Cataclismo



Imagem da Internet


Talvez fugindo, me esquivando ao máximo
Para não perceber, finalmente.
Que não há mais para onde ir
Que não há o que fazer com tudo isso
Que toma conta de tudo, como cataclismo

E estou me esforçando muito
Para não acreditar em tudo isso
Por que me assusta um fantasma
Aquele que só aparece nos inícios
Para que você não siga até os finais.

Cristina Lira



Nenhum comentário:

Postar um comentário