Intensidade de cada momento

Imagem da Internet
Eu não poderia permanecer num estado de latência
Não podia me acomodar, enquanto todas essas luzes passam diante de mim
Enquanto a vida se move treme luzente, harmônica e em padrões próprios
Não...
E é por isso que hoje, canto a canção que se distende a minha frente
É por isso que hoje, canto a alegria do momento presente.
Não há nada como viver intensamente cada segundo da existência
Nada se compara a respirar tão profundo, e depois abrir os olhos esboçando um sorriso
É como encarar a pior de todas as tempestades
Mas não deixar o barco afundar
É como escalar a maior de todas as montanhas, sem segurança alguma, e ainda assim permanecer vivo.
Por isso, hoje canto uma canção, e todos os dias, cada dia por vez, viver.
E saborear cada instante apresentado.
É verdade, não há nada comparado a viver cada dia da própria existência.


Cristina Lira



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Um dia você aprende... - Willian Shakespeare - ( Um dos textos que gosto)

Valorize a pessoa que está ao seu lado e que te aceita como és...

A vida passa rápido demais