domingo, 20 de maio de 2012

Perseve(espe)rança

Imagem da Internet

Criatura que se apronta
Para alçar voo
Criatura que olha serenamente
A espera da primavera
Criatura que espera
As pálpebras cerradas ao sentir
O frio ar desse inverno
Esteve por tanto tempo
Esperando a primavera que se adia
Criatura de mistérios e poucos segredos
Olha para o horizonte uma vez mais
Toda vez que a estrada da partida se mostra
Pobre criatura! O que espera?
Será que ninguém a avisou?
Nesta terra não há primavera!
Criatura persistente
Guarda em si um coração esperançoso!
Mas o frio da situação
Diz com carinho: vai...alça voo!!!

Cristina Lira




Nenhum comentário:

Postar um comentário