quarta-feira, 19 de outubro de 2011

A vida passa rápido demais







Olá meus amigos! tudo bem?
Há algumas horas atrás estive pensando o quanto  nossa vida é breve. Isso mesmo... pode parecer que não, mas é!  Quantos momentos já vividos? Quantos a se viver? E no entanto não temos controle de absolutamente nada, quando o quesito se trata de tempo de vida. Sabe, e é ai que as coisas se complicam um pouquinho. Nós nos preocupamos muito com o que vai acontecer na semana que vem, no mês que vem...e até no ano que vem. Mas, um instante...e o dia de hoje? O que realmente está valendo a pena, como fica? Ahh, desculpem-me, mas somos desastrados....quando esquecemos que o que conta é o agora que acontece bem diante de nossos olhos, sendo que muitas vezes reagimos com indiferença por estarmos preocupados com algo que ainda vai acontecer...isso se acontecer! E o que realmente está acontecendo simplesmente terminamos por não dar tanta importância.
E os mistérios? E a fé? E a matéria? E o Espírito?
Incrível como algumas verdades ou conceitos vão sendo apagados ou pouco vivenciados!
Acreditamos em Deus? Otimo que creiamos...e se acreditamos que existe um Deus, por que não acreditar que existem anjos, demônios, bondade, maldade, luz, trevas? Alegrias, felicidades e tristezas...E por fim, o motivo que me levou a dar toda essa enrolada...vida espiritual!
Talvez nem tudo que nos falam sejam palavras ditas realmente por quem as fala, principalmente se essas palavras machucam. Talvez nem todas as cenas que vemos num dia sejam realmente materiais, e por que não poderiam, algumas delas, serem espirituais? Já que somos matéria e espírito?
Mas o fato é...a vida passa rápido demais. E nós perdemos tempo com bobagens, futilidades, e acabamos por esquecer num canto qualquer o nosso eu, nos negamos o direito de sermos felizes. Pior..muito pior....permitimos que as outras pessoas tenham autoridade sobre nós e nos apliquem injeções de desânimo. É, amigos, viver não é fácil! É batalha... Mas não há necessidade de ser uma constante guerra... Está difícil pra sorrir? Esforçe-se e sorria...nunca ouvir falar que chorar resolve alguma coisa. O problema é grande demais? Não consegue pensar numa solução? Não há necessidade de desespero, as vezes tudo se resolve de uma forma que não esperávamos, ficar mastigando os problemas nos botões de nossa mente só irá trazer aflições internas, e estragar a vida. A vida passa rápido demais...meu Deus! Como ela vai rápido! Então turminha, rsrs...se pudermos amar ao máximo, amemos... mesmo que o mundo diga que não, mas se trás felicidade, rememos contra as "marés". Ame, cante, sorria, dance... e sinta-se bem. Não seja mercadoria pra ninguém! Valorize-se e acredite em você...acreditemos em nós. E por mais que tudo pareça impossível de ser e acontecer, no fim tudo sempre dá certo. Não vamos dar o gostinho de que nos vejam péssimos, caídos e de asas quebradas...não! A vida passa rápido gente, ser feliz, mesmo que as circunstancias digam, e gritem (e gritam) não. Vamos vivendo...sem jamais esquecer de nós. Não se pode amar o mundo se não se ama a si. E a felicidade que queremos não estar nas pessoas ao nosso redor, está em nós mesmos. E é uma escolha maravilhosa.  Tenham todos um excelente dia. Que jamais esqueçamos que, não é porque não conseguimos perceber ou acreditar em algo, que esse algo não existe.
A vida?
Ahhh...essa passa rápido! Aproveite pra sorrir, e quanto ao resto...bom, tudo passa...tudo sempre passa. 


Cristina Lira


O que já falaram sobre a vida:

" A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos. "
" Não devemos ter medo dos confrontos... até os planetas se chocam e do caos nascem as estrelas."

" Hoje levantei cedo pensando no que tenho a fazer antes que o relógio marque meia noite. É minha função escolher que tipo de dia vou ter hoje. Posso reclamar porque está chovendo ou agradecer às águas por lavarem a poluição. Posso ficar triste por não ter dinheiro ou me sentir encorajado para administrar minhas finanças, evitando o desperdício. Posso reclamar sobre minha saúde ou dar graças por estar vivo. Posso me queixar dos meus pais por não terem me dado tudo o que eu queria ou posso ser grato por ter nascido. Posso reclamar por ter que ir trabalhar ou agradecer por ter trabalho. Posso sentir tédio com o trabalho doméstico ou agradecer a Deus. Posso lamentar decepções com amigos ou me entusiasmar com a possibilidade de fazer novas amizades. Se as coisas não saíram como planejei posso ficar feliz por ter hoje para recomeçar. O dia está na minha frente esperando para ser o que eu quiser. E aqui estou eu, o escultor que pode dar forma. Tudo depende só de mim."