sábado, 27 de agosto de 2011

Das horas


Tem horas que não dá vontade de levantar, apenas de ficar o dia inteiro na cama.


Tem horas que da vontade de sair mundo a fora...


Tem horas que dá vontade de se esconder do mundo

De querer estar só


De querer estar junto


Hora que dá vontade de chorar

De gritar
De reclamar, resmungar


Mas tambem de sorrir, de amar


De arder em desejo
De querer carinho
De querer beijo


Tem horas que as lembranças povoam a mente
Horas que tudo que se quer é sonhar
Horas que tudo que se quer é realizar


Há quem sinta vontade até de morrer


Outros que ao estarem morrendo tudo que querem é viver...


Cristina Lira