terça-feira, 29 de março de 2011

Nickelback - Savin' Me (Me salvar)



Espero que gostem do vídeo...
bjux!!!
Tudo de bom...

C.lira

Balde de água fria


Tem hora que você se decepciona consigo mesmo, horas em que você não se acha suficiente a si, e uma palavra indelicada faz esses achares brotarem a flor da pele.
Tem hora que espetamos as bolhas de sabão.
As vezes a vista embaça e os caminhos já não parecem mais tão certos.
Sendo preferível um banquinho sob a forte neve do que sob um dia claro de sol, o olhar perdido no vazio e não na multidão. Jogamos as lágrimas para fora como penitência por nosso sentir triste, e toda palavra soa como uma arma perseguitiva.
Porque as vezes só o nosso céu parece estar nublado, e só o nosso solo fica encharcado.

Cristina Lira


Quem disse isso?



E quem disse que não?
O trapézio ainda está lá, olhe os palhaços com seus sorrisos disfarçados, nada mudou tanto assim, nós é que mudamos muito... os mágicos, as bailarinas.Todos, poucos ou muitos, estão lá.
E quem disse que é proibido comer pipoca? E no meio da rua dá cambalhotas?
Quem foi mesmo que criou todas as regras chatas?
Quem te proibiu de ser você? De ficar a vontade, onde lhe der vontade?
Inventaram o preto e branco, mas criaram também um mutirão de cores, e de algumas nem sei o nome, usamos apenas preto e branco se quisermos.
Quem disse que não se pode usar sapato vermelho, calça azul e blusa amarela ao mesmo tempo? Quem???
Quem disse que o cabelo tem sempre que estar certinho? E a roupa engomadinha?
O melhor, quem disse que não podemos sonhar, ousar... girar até cair. 
Dançar os passos desconhecidos aos olhos dos coreógrafos.
Quem disse? Realmente!
Algumas pessoas se perdem em padrões, e vivem acompanhando o tal de "sistema".
Não se venda, e reaja a esse assalto. Não se perca de você. Não deixe de fazer as coisas que gosta só porque não se encaixam no que a maioria faz.
Quem disse que nós não podemos ser felizes? Quem disse que ser feliz é difícil?
Ser feliz é um processo...de todos os dias, e não algo que acontece no fim da vida.

Cristina Lira



sábado, 26 de março de 2011

Iniciativas...



Um certo senhor, cansado de  presenciar a tristeza de sua rua e de seus vizinhos, das cores desbotadas das casas e do desânimo e brincadeiras sem graça das crianças, resolveu, numa noite triste como as tantas outras, pegar um velho tambor que tinha em casa e começar a tirar sons fortes e ritmados do mesmo, isso no meio da rua. Logo, os vizinhos começaram a sair de suas casas, desmancharam as pequenas rodas de conversa e observaram o senhor. E todos se perguntavam qual era o problema dele, e o porque dele estar no meio da rua aos toques de um velho tambor, que parecia a muito tempo não ser usado. As crianças desbotadas e curiosas começaram a rodea-lo e logo começaram a segui-lo e imitá-lo...pegaram latas velhas, pratos de suas casas e começaram igualmente cada uma a tirar sons dos seus inusitados instrumentos, e uma senhora que não podia andar, começou a aplaudir o fato que estava deixando todos pasmados, não palmas comuns, mas uma palma em ritmos...e os demais fizeram o mesmo. E descobriram assim, como o estar junto é prazeroso, as ações coletivas... as crianças aprenderam com o senhor a utilizar tudo que o meio ao redor dispunha para criar e inventar, as brincadeiras ficaram saborosas e a ideia de montar a banda da rua não foi descartada, e é lógico que o velho homem seria o maestro.
Não existem pequenas iniciativas, existem iniciativas que geram grandes e inesqueciveis momentos.

Cristina Lira

Faça mágica


Faça mágica
E contorne a falta de sorrisos
Faça mágica e contorne os dias tristes
Os dias tímidos.
Faça mágica e aprenda
A dança e os passos que tocam o solo das arenas
Das arenas de todos os dias
Faça mágica
Faça mágica e saia
Da saia justa
Dos cercados sociais
Saia das cadeias ao ar livre e prefira sempre a liberdade conquistada
não a imposta
Faça mágica e viva.
Não sabe fazer mágica? Relaxa, todos sabemos...mesmo inconscientemente!

Cristina Lira

quarta-feira, 23 de março de 2011

Paranóia



Estou numa constante fuga...fugindo da perseguição compulsiva da minha mente.
Não...não é aquela fuga que se encontra caminhos para serem percorridos. Mas daquele tipo onde você foge de você.
É uma fuga do juiz cruel que me persegue, que me condena, me estraçalha, sem oportunidades de defesa.
Fuga do ladrão que há em mim, que me rouba os sentimentos.
É a tentativa ofegante de escapar de uma sala de espelhos, que se multiplicam e correm em circulos ao meu redor.

Cristina Lira



Estou me livrando de tudo que me faz mal.
Cristina Lira

 



segunda-feira, 21 de março de 2011

Revolução



Se tem algo que muda e transforma...é a alegria. Prova disso é a revolução que teve na medicina.
Isso sim é contagiante!

C.Lira

domingo, 20 de março de 2011

Mudanças - Edson Marques



Sente-se em outra cadeira, no outro lado da mesa. Mais tarde, mude de mesa.
Quando sair, procure andar pelo outro lado da rua. Depois, mude de caminho, ande por outras ruas, calmamente, observando com atenção os lugares por onde você passa.
Tome outros ônibus.
Mude por uns tempos o estilo das roupas. Dê os seus sapatos velhos. Procure andar descalço alguns dias. Tire uma tarde inteira para passear livremente na praia, ou no parque, e ouvir o canto dos passarinhos.
Veja o mundo de outras perspectivas.
Abra e feche as gavetas e portas com a mão esquerda. Durma no outro lado da cama... Depois, procure dormir em outras camas. Assista a outros programas de tv, compre outros jornais... leia outros livros.
Viva outros romances.
Não faça do hábito um estilo de vida. Ame a novidade. Durma mais tarde. Durma mais cedo.
Aprenda uma palavra nova por dia numa outra língua.
Corrija a postura.
Coma um pouco menos, escolha comidas diferentes, novos temperos, novas cores, novas delícias.
Tente o novo todo dia. O novo lado, o novo método, o novo sabor, o novo jeito, o novo prazer, o novo amor.
A nova vida. Tente. Busque novos amigos. Tente novos amores. Faça novas relações.
Almoce em outros locais, vá a outros restaurantes, tome outro tipo de bebida, compre pão em outra padaria.
Almoce mais cedo, jante mais tarde ou vice-versa.
Escolha outro mercado... outra marca de sabonete, outro creme dental... Tome banho em novos horários.
Use canetas de outras cores. Vá passear em outros lugares.
Ame muito, cada vez mais, de modos diferentes.
Troque de bolsa, de carteira, de malas, troque de carro, compre novos óculos, escreva outras poesias.
Jogue os velhos relógios, quebre delicadamente esses horrorosos despertadores.
Abra conta em outro banco. Vá a outros cinemas, outros cabeleireiros, outros teatros, visite novos museus.
Mude.
Lembre-se de que a Vida é uma só. E pense seriamente em arrumar um outro emprego, uma nova ocupação, um trabalho mais light, mais prazeroso, mais digno, mais humano.
Se você não encontrar razões para ser livre, invente-as. Seja criativo.
E aproveite para fazer uma viagem despretensiosa, longa, se possível sem destino. Experimente coisas novas. Troque novamente. Mude, de novo. Experimente outra vez.
Você certamente conhecerá coisas melhores e coisas piores do que as já conhecidas, mas não é isso o que importa.
O mais importante é a mudança, o movimento, o dinamismo, a energia. Só o que está morto não muda !
Repito por pura alegria de viver: a salvação é pelo risco, sem o qual a vida não
vale a pena!

***Texto de Edson Marques
http://mude.blogspot.com/

P.S.: Obrigada pelas informações quanto a autoria do texto pessoal! Bjos...

Rascunho de um Diário


Ainda está aqui comigo o calor do teu abraço. O perfume da sua pele. As lágrimas que jorram de mim são os últimos vestígios da minha alma se esvaindo. Era manhã, o sol estava lindo como nunca esteve antes, acordamos, tomamos o nosso café amargo, ao nosso gosto. Planejamos cada passo e cada lugar a ser visitado naquela rota de excursão. Giramos a chave na fechadura entretidos com o panfleto riquíssimo em anúncios. Descemos as escadas como duas crianças disputando o quem chega primeiro!
A rua estava convidativa, animada e agitada, pelas cores e sabores da região. Pegamos o trem das nove, desembarcamos na estação seguinte e paramos admirados com a beleza de uma velha e antiga casa lendária, o museu, o único museu daquele pequeno lugar.
Um dia perfeito, para se guardar na memória.
Na volta a vida tratou de nos embarcar em caminhos diferentes. Meus braços foram teu ultimo aconchego, caistes sobre eles a leves e imperceptiveis suspiros. E toda aquela estação lotada nos olhavam assombrados, enquanto eu te sacudia e te obrigava a retornar a vida comigo, aos gritos, aos prantos. As cores foram desbotando aos poucos, logo vozes e imagens se confundiram a minha volta, gritei até minha voz cortar, te chamei de volta, torcendo para que os anjos falassem com Deus e te mandassem de volta pra mim. Suas mãos gélidas, sua expressão de riso imóvel...como quis ter partido contigo naquele dia. Braços me agarravam e me separavam de ti, vozes tentavam me acalmar...não, a unica coisa que eu não queria era me acalmar, não queria me se sentir consolada...queria chorar toda dor da tua ausencia repentina. Mas acima do ceu que vejo, acredito que estas a me ver.
Toda fé, toda calma, todo amor, toda energia que você me passou, estas sim são eternas. Estamos seguindo nossa viajem. Há uma estação onde desembarcaremos juntos.

Setembro de 1999

Cristina Lira




Determinação



É preciso lutar pelo se quer como se esse querer fosse o único!
É preciso driblar os obstáculos e derrubar os muros.
Enfrentar desertos
Tempestades
Frios gélidos...

Mas quando se quer algo de verdade
Se vai a luta.
Se vai a caça do tesouro.
Mas não se deixam presas no caminho.
Pois a única presa que existe são os objetivos e 
os ideais traçados.

Cristina Lira


Navegando


Esqueço do mundo lá fora
quando encontro o mundo aqui dentro.


Deixo aqui um frase da música de Cesar Menotti e Fabiano, para aqueles que andam nas ruas e navegam na Net...esses Blogueiros de fibra! rs

" Minha vida fica online só se for ponto com você(s)"


sábado, 19 de março de 2011

Não se perca de você!

Meus dias tem minha cara. C.Lira

Não pense que você não pode se mover.
Não se enquadre nas paredes de sua vida.
Você pode fazer bem mais que isso.
Certo que os trilhos oferecem perigo na hora da passagem do trem, mas porque se desesperar se há tempo para que passes, nem que seja correndo?... solte-se, e liberte-se até de você mesmo...
Renove-se, reinvente-se.
Movimente-se.
Siga o balanço das folhas e tente imita-las.
Siga o sentido do Sol, que reaparece, mesmo com as injúrias e reclamações que lhe lançamos...
Reapareça.
Não se esmoreça...cresçaaa...
É! Pode parecer complicado, mas se você para e sai rotulando os momentos de complicados, não irá vivê-los só porque teve medo de tentar.
A questão não é ser irresponsável diante da vida e vivê-la a torto e a direito, como dizem por ai...mas é VIVER, será que você não merece isso? Nós não merecemos?
O trabalho é chato?
Você não pode fazer nada para que ele mude, nem que seja um pouquinho, e lhe pareça mais leve?
Descobri algo: Os meus dias tem minha cara...se estiver chateada, o dia será uma chatice. Se coloco um sorriso de orelha a orelha..ahhhh...já era!!! Tudo fica um tanto melhor.
Meu dia acontece exatamente como eu aconteço.Ele se apresenta exatamente como você se apresenta.
Não é que precisemos ficar indiferentes a tudo que acontece ao nosso redor, mas muitos de nós absorvemos mais dores que amores, lamentamos mais que sorrimos...
Se não podemos mudar o mundo, ao menos podemos nos mudar. E sabe de uma coisa? O segredo é esse! Você muda, e como ondas tudo vai mudando ao seu redor, como uma cadeia, ciclos, movimentos peristálticos.
Não há motivos para sofrimentos antecipados, o que de melhor fazemos é nos preparar para enfrentarmos as diversas situações. O planejamneto faz uma diferença e tanto, e um bom jogo de cintura para os imprevistos... Mas, jamais, adote uma postura de desespero total, acredite, haverá momentos até para isso.
Um dito popular antigo diz: "Não faça tempestades num copo d'agua".
Que possamos nos auto incentivar a manter uma relação melhor conosco e com os que convivemos.
O tempo passa rápido demais para nos entretermos e nos desgastar-mos com momentos desnecessários e inapreciáveis.

Será que você pode dançar seguindo o balanço das folhas
Será que encontraria prazer em fazer bolhas de sabão com a boca
Equilibrar-se nos cordões da vida
Amar esquecendo de medi-la

Será que que voce ainda se olha no espelho e diz
Melhor impossível! E se auto elogia
Uma vez ou outra já disse:
" Tô nem ai, vou cuidar de mim"

Ahh, a vida! Vai bem mais além das perturbações que agitam a areia do nosso tempo.
Tudo que nos vem, são retornos das nossas escolhas.

Cristina lira





Arquitetando...


Pelos  nossos sonhos, objetivos e metas temos que ter uma certa dose de OUSADIA!

Cristina Lira

quarta-feira, 16 de março de 2011

Carta na manga


Deixem que as críticas venham.
Deixem que continuem a usar máscaras.
Permitam mesmo que se mostrem por completo e se exibam com desdém.
Mas não se esqueça de ter sempre um exército escondido por trás das montanhas.
Impressione, eles fugirão ao ver que não estás sozinho, que por trás da montanha há um exército escondido a espera apenas de um sinal.


Impressione sempre!
Imponha-se quando realmente for necessário.
Não fuja das situações, encare-as!


Cristina Lira



Dos sabores e dessabores



Quero os dias, e os quero todos!
Em todos os seus sabores e dessabores.
Quero o ar carregado da ventania
E a calmaria da brisa
Quero todos os sabores e dessabores dos sonhos, e os pesadelos...
os quero todos pra mim.
Quero o amor, a dor e o prazer,
todas as contradições, todos os opostos.
E quero de uma forma urgente, emergencial.
Não abro mão dos momentos dos meus dias
Os quero, doces ou amargos!


Cristina Lira



Entre rir e chorar...



Existem lágrimas que fazem sorrir...

Existem sorrisos que fazem chorar!


Cristina Lira

Fingimento


Estou fingindo ser adulta,
...e estou convencendo!
Tenho um lado criança de ser
que me estabiliza
E um lado adulto de ser
que me inferniza.
Busco o equilíbrio.

Cristina Lira



Embromadas


Coisas que acontecem e não dá pra entender...
Você gosta dele e ele não te quer,
Você esquece ele, ele se apaixona por você.
Você já até gosta de outro
E ele por fim se declara
Os sentimentos se confundem
Que embromada danada...

Cristina Lira




domingo, 13 de março de 2011

Protagonistas



Aventure-se a viver a vida
Não como quem desdenha
Mas como quem aprecia.

Aventure-se a quere-la por completa,
Não abra mão de nenhum segundo.
Não queira as porções de lamentos tão grandes assim...

Talvez seja dificil
mas não impossivel!
Uma coisa é se aventurar e viver os dias
Outra coisa é torna-la um caos.

Sabemos desde que nascemos os passos para bem viver
Mas parece que esqueçemos.
Não pronuncie:
"Ah, mas é dificil, não pode ser assim"...
Se concordamos com isso
Nos pomos em perigos.
Perigo de se apegar ao sabores amargos

Querer viver, aventurar-se
Atuar no papel principal
afinal
a novela é só nossa.
Mas as vezes contratamos dublês
Abandonamos o palco e nos escondemos na arquibancada.
Não é fácil! Mas dizer que é dificil não ajuda.
Se apagar,
se esconder,
temer...
aplicar adjetivos ínfimos só nos destraçalha!

Protagonistas, é o que somos em nossas vidas.
Vivê-la em todos os sabores (doces, amargos, ácidos, salgados...), mas Viver.



 Cristina Lira


 


1.Presente da amiga Hely (Obrigada amiga!)
Regras:
1. Me conte um segredo:
     Ah! Eu só tenho um segredo e não posso contar,rsrs.
2. O que é valioso pra você:
  Familia, amigos, respeito e amor próprio e ao próximo.
3. Escreva uma frase:
Tudo que temos para sermos felizes é o Hoje.
4. Dedique a aqueles que sempre comentam nos posts:
 Ahhh...dedico a todos os amigos blogueiros que comentam por aqui, pra não esquecer ninguém, dedico a todos os meus amigos camaradas,rs, e para quem não conhece o Blog da Hely, vai lá conferir, é um show, um cantinho muiito aconchegante.
http://meninasegredos.blogspot.com

http://evidentespensamentos.blogspot.com/
http://sempresenhorita.blogspot.com/
http://imagesandphrases.blogspot.com/
http://blogdoobvio.blogspot.com/
http://neiafelippe.blogspot.com/
http://cynthiadayanne.blogspot.com/
http://meeucantinho.blogspot.com/
http://meus-desvaneios.blogspot.com/
http://souintenso.blogspot.com/
http://imaregna.blogspot.com/



2.Este outro mimo, ganhei da amiga Marcinha.
Obrigada Marcinha...Bjos



Linke o blog que te indicou :

2 - Quais são seus maiores sonhos ?
      Nossa! São tantos sonhos... fazer viagens por nossa América. Cursar medicina... ver e contribuir para um mundo de paz!...

3 - Para você, a aparência importa ?
    Não!!!

4 - O que é ser feliz ?
     Ser Feliz? É um estado onde vc sente felicidade sem precisar dizer, “isso me fez feliz”, ou, “aquilo me fez feliz”...Felicidade é um sentimento que brota em nossos dias, e nem sempre tem explicação, nos faz sorrir, e é contagiante!

5 - Você é uma pessoa amiga ?
      Sim! Amigos, os respeito e os amo, preciso deles assim como necessito do ar pra respirar.

6 - Conte-nos quatro defeitos seus:
      Detalhista, Teimosa, me apego fácil as pessoas, Analista.

7 - Conte-nos quatro qualidades suas :
      Fiel, Honesta, Verdadeira, Sincera

8 - Tem algum preconceito ? Se sim, qual ?
      Não!!!

9 - Indique alguns blogs fofinhos para responder este Meme :


http://evidentespensamentos.blogspot.com/
http://sempresenhorita.blogspot.com/
http://imagesandphrases.blogspot.com/
http://blogdoobvio.blogspot.com/
http://meninasegredos.blogspot.com/
http://neiafelippe.blogspot.com/
http://cynthiadayanne.blogspot.com/
http://meeucantinho.blogspot.com/
http://meus-desvaneios.blogspot.com/
http://souintenso.blogspot.com/
http://imaregna.blogspot.com/

E a todos os amigos e amigas deste Blogue Silencio! Bjoss   

 
Ahhh..que mimo!!!
Ganhei este selo do Blog Formulas Padrões do coração, da amigona Erika Santos, obrigada amiga, amei...amei... tá muito lindo este selinho, um luxo!



Ritmos do caminho



Algumas coisas não entendo
Não sei onde caminha muitos dos meus pensamentos
Se me arrisco ou se me arisco
Poucos passos levam a lugares infindos

Grandes passos me levam um vasto mundo
E se é perdida a hora
pode-se ainda criar um novo evento
Deste caminho
Muitas das curvas conheço...(C.Lira)


Fim de tarde...nada mais!




Tem vezes que uma simples tarde serve para nos mostrar que o sol vai alem de nossos olhos,
mas que depois ele volta e se deposita, e se esbanja-se diante de nós novamente, 
quer mereçamos ou não.
Uma simples tarde é tudo para quem quer ver de tudo um pouco, 
para quem quer entender parte dos misterios de um dia, 
a outra parte é de encargo do amanhecer.
E fácil de se crescer quando se quer isso, é facil se sorrir quando se tem uma boa, 
nem todo sorriso vem acompanhado de uma felicidadde, 
uns até tem uma tristeza como prantos de velório. 
Mas, é fácil compreender algumas coisas 
quando se tem uma tarde e um por de sol pra observar,
quando se tem um momento para ficar só e conversar consigo mesmo.
Talvez algumas pessoas precisem sentir mesmo o sol indo embora, 
e sentir tambem sua volta, para compreender que muitas dos nossos momentos dependem de nós,
e uma outra parcela nos é dado...


Cristina Lira


E é um quiquiqui..rsrs


Por que tem vezes que não dá mesmo pra conter o riso... 

C.Lira



sábado, 12 de março de 2011




Ando meio assim...
com muitos planos na cabeça!


C.lira



Presente da amiga Kaline, obg miguxa!rs

Metas


Se eu soubesse que o prazer em se alcançar uma meta era tão grande assim, as teria traçado aos montes desde o dia em que aprendi a andar.

Como é bom quando se consegue por esforço e mérito próprio algo que muito se deseja!

Cristina Lira
( Desejo a cada um de vcs sucesso, e que seus planos e metas sejam realizados)

sexta-feira, 11 de março de 2011

"Silenciando" pelo Japão!



Ah...que posso pedir?
DEUS, cuida do Japão...
Cuida de nós para sejamos mais responsáveis...
Que a natureza tenha um pouco mais de calma.
Nós vamos nos endireitar, acredito nisso!
Este pode ser mais um fenomeno natural...
Mas todos temos uma parcela nesta prestação.
DEUS, cuida de nós!
DEUS, cuida do JAPÃO!

Cristina Lira

quarta-feira, 9 de março de 2011

Mosaico






É espantador a diversidade de comportamentos que reina entre nós.
Alguns são irritados...
Outros incomodados...
Os descontrolados, que não estão nem ai pra vida!





Alguns tem um superego.
Há os que só se lamentam...
Aqueles que não calam a boca nem por um segundo se quer, e até dormindo falam...








Outros ainda que só pronunciam algumas palavras, e
mesmo assim só se lhe fizerem alguma pergunta.











Os de cara emburrada...      
Os "engraçadinhos"...







         

Os de bem com a vida que estão sempre sorrindo e acreditando que tudo vai dar certo, que cada dia é uma nova oportunidade para ser feliz e fazer os outros felizes...     








 Sem contar os calminhos, que mantém sempre o equilíbrio, independente da situação. Priorizam o bem estar interior e com paciencia analisam as diversas situações que se apresentam no decorrer dos dias.





              É tanta a diversidade comportametal que o que importa mesmo é cada um ser do seu jeito, pois é esse ato que faz da humanidade um grande mosaico.
A particularidade do ser de cada pessoa enfeita e dá mais charme a  vida. É bom saber e poder escrever o dito popular que diz:



"Ninguem é igual a ninguém"



Cristina Lira

       

(A)normal




Conversar com os normais
Atesta ainda mais
minha anormalidade...
Faz-me querer cada vez mais
estar distante da normalidade das coisas...

Cristina Lira


Pedido a Deus




" SENHOR, dai-me força para mudar o que pode ser mudado,

resignação para aceitar o imutável e

discernimento para distinguir os dois."

terça-feira, 8 de março de 2011

Oração pela Mulher



Obrigado Senhor
por teres criado no mundo a mulher
E por tê-la enriquecido com preciosos dons:
o carinho, a sensibilidade, a beleza,
a ternura, a dedicação e o amor.
Deste ao homem a graça de encontrar
na mulher:uma amiga, irmã,
companheira, esposa e mãe.
Nela se processa o mistério da vida,
sendo capaz de gerar,
de trazer à luz filhos e filhas.
Sem sua presença no mundo,
o amor estaria fadado à extinção.
E o mundo ficaria pobre e sem sentido.
Perdoa-nos, Senhor,
por nem sempre sabermos reconhecer
o verdadeiro valor da mulher,
por muitas vezes a considerarmos objetos,
sexo frágil e força de trabalho doméstico.
Que também a mulher reconheça seu valor,
sua dignidade e sua missão no mundo.
Que ela não aceite ser instrumentalizada
nem banalizada no seu corpo e nos seus
sentimentos.
Que no corpo e na alma de cada mulher,
possamos continuar encontrando os sinais
de MÃE que nela plantaste,
Amém.
( Frei Zeca)

Parabens a todas nós mulheres...
Que saibamos nos valorizar e amar ao próximo.
Reconhecer nossos direitos e fazer valer o direito daqueles que dependem de nós.

Parabéns a todas as minhas amigas Blogueiras.
E a todos os amigos que compartilham este dia conosco.

Bjos no coração!

E daí se não removi a maquiagem?


Ando a passos incompletos, seguindo o ritmo estonteante dos tambores.
Passando no meio da multidão que me olha escandalizada.
E daí se não removi a maquiagem antes de dormir?
E daí se minha roupa está ultrapassada para o meio dia? Daqui a pouco será meia noite!
E daí que apenas um dos meus sapatos tem salto?
Mas vou passando e o vento espalha meus cabelos por todo espaço ao redor.
Ao a passos incompletos, mas não perco a passada de modelo, e a calçada da rua é minha passarela.

Cristina Lira


Tentativa de fuga




Que me resta fazer?
Os balões escaparam de minhas mãos!
Vou sentar próxima a alguma pedra e lamentar?
Não!
Vou escalar morros, montanhas.
Pegar carona em aviões.
Atravessar os oceanos a nado.
Enfrentar tempestades...
Dormir ao relento, fazer uma fogueira pra me aquecer.
Vou ao topo do mundo, se preciso.
E pegarei suprimentos em casa, depois prosseguirei sem cessar.
Mas sei, que em algum momento devo parar e observar a rota desses balões.
E neste momento vou sentar abraçada aos meus joelhos e sorri, pois agora o cenário muda, e ao observar a trajetória dos balões, os verei vindo em minha direção, e provavelmente cairão ao meu lado.
Seria comico, se esses balões não fossem minha vida.
Vida, ora se corre pra viver, ora se nega a morrer...Quem me dera correr sempre atrás desses balões, nesta tentativa de fuga!

Cristina Lira

segunda-feira, 7 de março de 2011

Eu + Você = Igual



A vida é como uma roda gigante, em alguns momentos podemos estar no topo, mas nossos pés sempre retornam e pisam no chão. Não importam as vezes em que estejamos no topo dessa roda viva, importa apenas compreender o significado da palavra igualdade, que por sinal tem um sentimento de mesmo nome.

Cristina Lira

A remota arte da paixão

Quando a paixão bate em nossa porta, é apenas um toque...um leve e delicado toque, nada mais, e já isto é suficiente para que abramos a porta. Depois de aberta não há mais nada que se possa fazer. Somos movidos, como um efeito provocado por um feitiço. Tudo muda. Não existem mais as cores desbotadas, imagens feias...aliás, nada é feio o deformado, aos olhos de um apaixonado.
Tudo é exatamente perfeito, principalmente o ser responsável por toda onda de sentimento que aflora no coração.


Apaixonados quase sempre tem uma solução para os problemas, a vida parece mais fácil de se viver, talvez pelo fato de se ter alguém para compartilhar as inquietudes.

Independentemente da musica está tocando ou não, a dança continua, apaixonados por vezes são assim, distantes da realidade, uma vez que, esta parece camuflar-se diante dos olhos.
 E esta não é uma fase da vida, mas sim um seriado de fases que acompanham toda uma vida.



A paixão, como não poderia deixar de ser, nos move a lugares gélidos, desérticos e inóspitos.
Cerra nossos olhos para os doces sonhos ou então os afoga num compulsivo oceano de lágrimas.

Abraçamos a nós mesmos, na ausência do ser amado. E abraçamos o ser que se ama, como se não quiséssemos deixar partir, por medo que não possa voltar.


Paixão,esta mistura de sentimento e insegurança, e por que não! Efeito drogástico, que nos provoca uma síndrome de sentimentos, nos desequilibra, nos dá um colorido diferente. Deve ser por isso, por seus tantos atrativos, que este é mesmo um sentimento irresistível e que nos acompanha por toda vida, e de tão ousado ser, ainda se associa ao amor, e juntos fluem naturalmente das vozes apaixonadas, agora pelo nome de eterno.


Cristina Lira