terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Prêmio

Olá meus amigos....
Tenho um presente pra vocês, espero que gostem...fiz com muito carinho.
Vou citar aqui alguns nomes indicados a vir pegar este selinho, mas na verdade, é um presente para todos os seguidores, agora não dá pra indicar o nome dos 185...e repito o selo é para todos. Repassem pelo menos para uma pessoa, ok?
Beijos no coração



Versão menor

                                                                       maN bOwerline

**************************

Recentemente minha amiga Juuh me presenteou com este estes mimos...
Juuh, consegui pegar,rs...obrigada amiga!




E este outro ganhei da amiga Neia....valeu amiga!



Espelhos! Eu?



Aposto que você já conversou com o espelho!
Brincadeira...sei que não falas com o espelho, porque quando  ficas cara a cara com ele, há algo mais importante a se notar:
você!
Será que já chorastes na frente do espelho?
Será que já sorristes?
Que falastes?
Será que você já passou um bom tempo fazendo caretas?
Será que você já se questionou?
brigou com o "você" lá dentro do espelho?
Será que você já se elogiou até cansar?
Uhm! E quem sabe, já ensaiou para dizer alguma coisa...

Espelhos, sempre recorremos a eles... pois na verdade estamos recorrendo a nós mesmos!

Cristina Lira

O que é a vida?



Nenhum cientista ou pensador até hoje deu uma resposta totalmente convincente para essa pergunta. Nesta tentativa de se conceituar, definir e desvendar tudo, o essencial acaba por ficar de lado. Se até hoje não houve uma resposta satisfatótia, ora bolas, não será pelo simples fato de que a vida precisa ser vivida e não entendida?
Penso que as descobertas tem mais valor e sabor quando são nossas. 

C.Lira



Escrever...escrever

Dedico este simples e pequeno texto a todos os blogueiros que tem a escrita por arte.


Se escrever for um sonho
Não me desperte.
Se escrever for a morte
não me ressuscite.
Se escrever for alegria
Não me entristeça.
Se for uma cegueira
pois então, apague essas luzes.
Se escrever for tocar anjos
por favor, traga-me mais uma caneta e alguns papéis
pois eis o meu céu...

Cristina Lira