sábado, 15 de janeiro de 2011

...e depois de tudo...

E depois de tudo percebemos que ainda conseguimos sorrir, e que nosso sorriso é tão lindo como antes, e que quando sorrimos acontece uma harmonia indiscritivel em nossa face.
E depois de tudo, ainda podemos sorrir, como se fossemos uma fênix... até onde vão nossas forças?!
Talvez até o infinito.
Meu DEUS, como somos persistentes...
E sorrimos, como quem anuncia:
E agora renasci!
...e depois de tudo, renasci...

O ato de rir demonstar que involuntariamente, por vezes, , sabemos que tudo passa, e depois de algumas lágrimas (muitas!) poderemos rir novamente, rir até do vazio...de tudo...

C.Lira