sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Suavizando as linhas borradas




Existem pessoas guerreiras, aquele tipo gigante, é...isso mesmo, aquelas pessoas que sabem se sobressair nas situações. O tipinho mais admirável de vencedor, que não se deixa dominar pelas situações, e que quando se abala profundamente, ao invés de gritar e xingar o mundo, resolve apenas respirar e ouvir uma boa música, esboçando um sorrido de " tá tudo bem" mesmo que não esteja. 
Porque o objetivo é justamente esse, não demonstrar o que se passa lá dentro do peito, não porque queira se afogar em si mesmo, mas porque busca forças e equilíbrio para resolver tudo sem precisar estilhaçar o próximo.
E os desafios chegam, mas esse tipo de pessoa tem sempre uma forma de suavizar as linhas borradas. E quando chora, olha-se no espelho e diz "chega, a vida continua" . E com os olhos ainda vermelhos vai seguindo a vida na velocidade máxima por saber que não pode parar simplesmente quando  lhe põem uma pedra a sua frente, já que sabe contornar o caminho e suavizar as linhas borradas...

C.Lira