quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Tudo passa, nada é para sempre.




As vezes quando tudo parece sair do nosso controle e toma proporções gigantescas, ficamos meio que perdidos, sem saber que atitude tomar ou como reagir, bate angústia e desespero, mas quando menos esperamos...passa...
Sabe por que?
Por que tudo passa. Nada prevalece para sempre, nem bons ou maus momentos. Nada é tão extensivo assim que não possa passar. Pois esta é a ordem natural dos acontecimentos.
Os motivos que tive pra rir e me alegrar, não serão os mesmos daqui a alguns dias a me proporcionarem o mesmo prazer. As emoções são sempre parecidas, os motivos, sempre diferentes.
E diante de tudo que nos acontece devemos ter em mente que os nossos dias são meros tripulantes do tempo, nossos momentos únicos e irrepetiveis. Tudo passa, nada permanece para sempre.

C. Lira