Torne-se leve em você





Em alguns momentos a vida trás consigo algumas inquietações.
E essas inquietações, podem nos fazer sentir, que o ar parece faltar, que os pés tornam pesados para andar, e que as paredes se movem com gosto para nos cercar, esmagando-nos em nós mesmos.
Mas entre um e outro parecer, sai-se bem os que conseguem respirar, e fazer levitar, não a alma no corpo, mas o peso do corpo na alma.
É preciso, embora que não seja fácil, caminhar no meio das tempestades de areia.
Lógico que viver não é fácil, viver em si é um desafio. E desafios se enfrentam.
Sei que é difícil! Mas não é impossível...
Quando se tem coragem e vontade de viver, corre-se e encara-se de tudo...tudo...Não importam o tamanho das ondas, importa se você ainda tem forças para navegar, e se as ondas destruírem teu barco, encontre força no braço para nadar.
É sempre possível melhorar uma situação. É sempre possível transformar-se. E muitos de nós consideram impossível, simplesmente pelo fato de terem medo de dar o primeiro passo e notarem que podem andar, mas tem medo de saber para onde correr...
Levite o peso do seu corpo na alma!
Torne-se leve em você, de forma que ao pisar no chão, seus passos sejam suaves!


Cristina Lira


Comentários

  1. Lindo seu texto, muito reflexivo, nos impulsiona...
    Bjssss
    =)

    ResponderExcluir
  2. Sempre procuro pedir sabedoria e serenidade para superar as minhas inquietações, nem sempre consigo, mas tento...
    Lindo seu texto.
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Tão difícil agir assim quando se arrasta um peso na alma.. é preciso muita força de vontade. E uma coisa é certa: não se deve nunca desistir. é preciso tirar o máximo de força possível.
    Adorei o seu texto.
    Bju grande!!

    ResponderExcluir
  4. o importante é sempre mantermo-nos integros..mesmo na dificuldade...bj..saudades daqui..

    ResponderExcluir
  5. Cris!! Quanta importância nestas palavras. Belíssima reflexão. Beijocas!!!

    ResponderExcluir
  6. Que haja sempre em nós a vontade enorme de viver, e de crescer a partir das miudezas!

    Beijos.

    Tenha uma boa quinta, amiga!

    ResponderExcluir
  7. Continuar caminhando..

    A tempestade vai passar.. e o sol vai voltar brilhar.

    É só ter paciência.

    bjuu

    P.S.:Lindo post! (:

    ResponderExcluir
  8. Curti o blog,
    muito interessante...

    to seguindo, retribui??

    abraços,
    http://devilge.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Oi Cris...
    É a Néia do palavriando que passa para absorver suas reflexões e delas refletir também.Você é sempre sensível mas pontual no que escreve e nos faz pensar e ver o outro lado do problema. Venho tentando ter coragem, mas nem sempre é facil.
    Beijos e lindo texto.
    Tenha um ótimo final de semana.

    ResponderExcluir
  10. Minha querida

    Um texto lindo como sempre...para pensar.

    Deixo um beijinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  11. Olá Cris! Quero muito que minha alma seja leve e que eu possa me libertar das inquietações! Lindo texto!
    Postei a terceira parte do meu Conto: A Queda, passa lá no meu cantinho e deixe sua opinião sincera!
    Muitos beijinhos, ótimo final de semana pra vc, bye bye
    Anita do diarios-do-anjo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. oi amiga!!!
    Adorei o texto flor!!!!
    beijos
    http://amorimortall.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. "Quando se tem coragem e vontade de viver, corre-se e encara de tudo!"
    Concordo plenamente, é preciso Fé e Coragem para seguir em meio as tempestades da vida.
    Seguindo-te, convido-te a visitar o meu, se gostar segue?
    Bjoo..♥

    ResponderExcluir
  14. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  15. Olá pessoal sei que admiram um bom texto, por isso criei um blog com poesias, crônicas e frases que tocam o coração!!!
    entrem www.coracaovalente.tk

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Um dia você aprende... - Willian Shakespeare - ( Um dos textos que gosto)

Valorize a pessoa que está ao seu lado e que te aceita como és...

A vida passa rápido demais