domingo, 28 de agosto de 2011

Queda de estrelas




Estão despencando estrelas sobre mim.
Estrelas no céu, são tão lindas!
Mas se caem, machucam...
Um universo inteiro de estrelas,
Um universo inteiro de pedras geladas,
que caem aqui, escorrendo sem tanta piedade em minha face.
Sopro gelado em meu coração, sopro de arrepios!
Caem uma a uma, em camera lenta
Cortando o vácuo como fogo rasgando água
Como vento cortando o tempo.
Caem no seu alvo, e eu sou o alvo, delas que despencam
Sem motivo
Sem razões
Sem nada que a motive!!!
E quando todas elas caírem do céu, que mais restará?
Além da ausência de suas luzes?

Cristina Lira

3 comentários:

  1. Oi menina Cris...humpft !
    Saudadesssssssssssssssssssssssssssss assim tipo a distância física entre nós...

    Ainda bem que é só física, porquê espiritualmente tu estás comigo todo dia, e em minhas orações...

    O post ? Humpft ! Minhas "irmãs" podem cair, mas não machucam não Cris...só trazem para a terra o brilho que lhe emprestam, para você seguir BRILHANDO no palco da VIDA...

    Pois, tu, Marília, Bete, são especialíssimas para mim...hum rum...

    Um beijão carinhoso, muitos xerossssss, uma semana de intensas ALEGRIAS para ti e família...

    Ps: TE AMO !

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Nando!!! Que bom saber que vc está bem! Ficamos felizes...Bjos a vc e seus filhos!
    Paz a todos!

    ResponderExcluir
  3. lindo amor... suas palavras são a eloquencia da sencibilidade e caso algo a machuque, a um remedio no amor que tenho por ti
    bjsss te amo

    ResponderExcluir