quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Amarei-te




Amarei-te sempre, brilhe ou não o sol
Resplandeça ou se esqueça
O dia de surgir, fazendo acontecer à vida

Amarei-te na paz ou na guerra
Em meio a mais infinda alegria
Ou entre a mais rasgante tristeza

Amarei-te enquanto meus pés
Neste solo pisarem, te amarei ainda mais
Quando entre lápides frias, repousar o meu corpo

Amo-te e sempre amarei na falta de limites
Que rege meu amor incontido
Que nesta finitude que vivemos se declara eterno

Amarei-te na algazarra de nossas vozes animadas na conversa
E no silencio misterioso de nossas falas
Quando apenas nossos gestos dialogarem

Amarei-te com toda vida que escorre em meu coração
E amar-te-ei ainda quando ela escapar de minhas mãos
E nessa hora tudo que irei querer é tua doce e suave imagem impregnada em meus olhos

Amarei-te sob a luz incidente do sol e da lua
Sob as cobertas de nossas vidas nuas
“Na alegria, na tristeza, na saúde, na doença, na riqueza ou pobreza”... E além da morte!

Cristina Lira



15 comentários:

  1. Que sublime declaração de amor, e que esse amor que lhe motiva seja abençoado e perdure! Bjs, Querida! =*

    ResponderExcluir
  2. Onde tem o amor verdadeiro, tem o mistério do coração quebrantado, da alegria, das promessas, das renúncias, das gratidões, das doações, da harmonia...
    que bela declaração de amor, juramento único, que deverão ser vividas a dois.
    Me lembrei do meu juramento de amor do dia do meu casamento, lindo e tão nosso cada palavra escrita que vivemos todos os dias.

    Abraços calorosos Cris.
    Gi

    ResponderExcluir
  3. Sinceras palavras de uma mulher apaixonada. Quando chegamos a esse nível tão elevado de sentimento, um amor tão belo e puro, qualquer palavra se torna pequena para expressar algo tão forte e verdadeiro.
    Desejo que esse amor perdure, se fortaleça com o passar do tempo e que sempre traga paz e felicidades p/ vcs!!

    Bjus querida, que Deus te abençoe!

    ResponderExcluir
  4. Amor, sentimento sublime que nem todos infelizmente têm o previlégio de um dia experimentar!
    Fico feliz que ele seja descrito por ti dessa maneira.
    Felicidades e ama muito!

    ResponderExcluir
  5. Olá e ai como vai?
    Nem preciso perguntar se estas apaixonada..o texto te entrega :)

    Beijos e tudo de bom
    .................
    RIMAS DO PRETO

    ResponderExcluir
  6. Amor de verdade tem que ser assim porque amar em condições favoráveis é relativamente fácil, né?

    ;)

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  7. Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Nayara e cheguei até vc através do Blog Alma de poesia. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir um blog do meu amigo Fabrício, que eu acho super interessante, a Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. A Narroterapia está se aprimorando, e com os comentários sinceros podemos nos nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs





    Narroterapia:

    Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.



    Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

    http://narroterapia.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Olá Cristina
    Uma bela declaração de amor incondicional.
    Bjux

    ResponderExcluir
  9. Por vezes doi tnto agente ter essa certeza absluta né..fica ca dentro ..bj querida..

    ResponderExcluir
  10. Amor entrega.
    Lindo
    Um grande bj querida amiga

    ResponderExcluir
  11. Minha flor, passando pra desejar um lindo Setembro, que ele seja colorido repleto de doçuras, que ele traga alegrias e vida renovada, beijos :)

    ResponderExcluir
  12. Boa tarde, Cristina.Belíssima declaração de amor que me deixou muito emocionada e sensibilizada.
    Como é bom amar assim, onde a ausência da presença física, é somente um detalhe,pois sentimos a pessoa amada ao nosso redor, como se fosse um anjo, uma proteção!
    Parabéns!
    Beijo grande, e excelente fim de semana.Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  13. Amiga, que delícia de imagem e de poema.
    Em cada verso uma sensação absoluta deste amor.
    Belo!!!!
    Abraços

    ResponderExcluir
  14. Um amor eterno é a busca de todos os seres humanos. Aquele amor que completa, que faz feliz... e pelo qual somos capazes de tudo.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  15. “A noite chega, os poetas acordam e vão sair à procura de seus versos e poesias, acreditando que ainda existe o Verdadeiro Amor.”

    ResponderExcluir