Motivos em vão




E olhando para sua confidente no espaço, deixou cair toda parede que a erguia, cada reboco que sustentava sua alma. Pois quanto mais sorria, mais chorava por dentro.
Mas aprendeu a arte do disfarce.
E embora que seu ser esteja estilhaçado, aprendeu a sorrir.
Não! Nenhum motivo...
Não fora ferida por palavras.
Não fora ferida por ações
Nada!
Poderia tentar explicar, mas não entenderiam, e já tentou tantas vezes...
Ela é tão pequena, e carrega tantas dores, mais que o necessário. Jamais bebeu uma taça de alegria sem que depois fosse obrigada a engolir milhares de outras taças transbordantes de tristezas.
Mas por amor, se mantém.
Só não se sabe por quanto tempo ela ainda irá resistir, suas forças parecem inesgotáveis, mas não são, apenas parecem!

Cristina Lira



Comentários

  1. Talvez sejam as lágrimas que a fazem forte, se ela segurasse toda essa dor sem derramar uma lágrima sua alma viraria pó, aí nem sorriso ela teria...
    Bjsss

    ResponderExcluir
  2. Me encanto es muy fuerte y cercano, te felicito, un abrazo cálido,

    ResponderExcluir
  3. Que lindo e verdadeiro isso,Cris!
    *Amo muito essa música em dueto!*

    Renata Cibelle
    Beijos! =)

    ResponderExcluir
  4. temos o que suportamos e o que precisamos... mas dói... dores são para que tenhamos experiência... mas sei que em meio a elas é dificiu pensar... saiba que amigo tens! ^^
    bjss

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Um dia você aprende... - Willian Shakespeare - ( Um dos textos que gosto)

Valorize a pessoa que está ao seu lado e que te aceita como és...

A vida passa rápido demais