segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Ao meu lado

Que me importa o frio lá fora, se você está comigo agora.
Não me entristeço se não ouço canções, pois em tua voz encontro a melodia feita.
Que enxerguem meus defeitos, nada conta se pra você sou perfeita.
Se me alimento do amor e me cubro com teu corpo,
o que mais posso querer?
Ou o que tanto pode me importar?
Se tudo que preciso está junto a mim!
Posso ter mil pesadelos descansada, 
é certo que estarás de prontidão a despertar-me deste mundo surreal.
Que me importa a humilhação, se você me exalta.
E se me fazem chorar de tristeza você me ama, me acalma.
Que me importa o fim do mundo
se ao meu lado jaz minha alma amada...

C. Lira

Nenhum comentário:

Postar um comentário