segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Minha revolta




Crianças que nascem inocentes
Por atos nem sempre de amor,
mas por prazer de indescentes
Seus choros então abafados
Seu ar mau chega ao mundo
E tão cedo é sufocado
Que tipo de gente são alguns pais de hoje
que seus filhos têm apagado.
Me revolta toda essa situação
de tantas mortes inocentes sem punição
Até quando a terra chorará
o choro que jamais se ouvirá... Cristina Lira

2 comentários:

  1. Algumas pessoas precisam sentir o verdadeiro AMOR!

    ResponderExcluir
  2. Pois é... falta muito a nós seres humanos a caridade e a bondade para com outros seres humanos...

    ResponderExcluir