segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Eu sei cair sozinha, mas também sei me erguer



Onde estavam todos vocês que hoje falam de mim
Onde estavam quando precisei
de um olhar de carinho
de um abraço amigo
de cuidados com minhas feridas
Onde estavam todos vocês
que julgam preciptadamente
que não souberam ver entre meus sorrisos minhas lágrimas
Agora, abram caminho, se não conseguiram notar tudo isso antes
Não venham causar tormento
Eu sei cair sozinha
mas também sei me erguer

Nenhum comentário:

Postar um comentário