segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Estações

Tem época em que a gente pensa um monte de bobagens

como se nossa razão não funcionasse direito,

e ficamos sujeitos a um turbilhão de erros,

que nos fazem chorar de tanto rir

pela ingênuidade do nosso comportamento

que por vezes se expressa tão infantil.

Vivemos estações.

Há tempos em que tudo parece mais colorido e as estradas floridas,

e as vezes as idéias parecem que caem aos pés ao som do vento dos nossos pensares,

e o frio que transcende o cobertor nos faz desejar uma fonte de calor (humano)

Mas entre tantas bobagens, erros, inocência e infantilidades, um sol forte e radiante sempre brilha

para nos contar que um novo dia se apresenta

E nos desafia a novos momentos onde podemos escolher evitar os erros, ou cometê-los só para nos

certificarmos que aprendemos meeesssmooo a lição.

Mas em cada estação pensamos tantas bobagens que é uma bobagem não rir de tudo que se passou.

Cristina Lira


Nenhum comentário:

Postar um comentário