segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Apenas olhe para o lado


E agora que te encontrei não vou te deixar partir, você que já se tornou uma parte de mim. Não importa onde é o teu refúgio, farei dele o meu templo, não importa onde você vive importa que tenha vida e se deixe viver. Te buscarei onde for, agora que te encontrei não te deixarei partir assim, sem que me leves contigo. Não que vá te implorar para estar com você, mas simplesmente estarei, ainda que não me possas ver. Não há necessidade de estar junto se posso fechar os olhos e te ver. Estarei sempre ao seu lado, como uma presença viva, ou como tua sombra protetora. Serei o silencio dos teus conflitos e o conflito que te silenciará nas tuas noites. Talvez o melhor sonho, mas nunca me tornarei um pesadelo. Neste caminho a estrada mostra os passos de dois viajantes. Te carregarei comigo, se não for ao meu lado será no meu interior. Mas nunca em mim cessará este tão súbito amor. Quando se sentir sozinho apenas olhe para os lados, prometo que ainda estarei por perto, assim como agora.
C.Lira

Nenhum comentário:

Postar um comentário